Oswaldo Luiz e Seu Conjunto – Boite do Faz de Conta (1963)

16 01 2012

Link original: Oswaldo Luiz e Seu Conjunto – Boite do Faz de Conta (1963)
Publicado em: Monday, February 19, 2007 by zecalouro

I spent most part of the day outside to see what exactly is this phenomenon called Carnaval that stops Brazil for almost a week. I took my camera with me hoping to find nice shots of authentic Carnaval on streets of Rio to show Loronixers. Unfortunately, I could not make good shots in the middle of the crowd swinging and singing. Actually, this was a useful day; I could realize what exactly is my problem with Carnaval. I cannot feel happy as everybody uses to be in the middle of a parade. Carnaval is great, if you live outside of Brazil, come to see it next week, but it is something that I cannot explain is why everybody gets happy at Carnaval. Anyway, perhaps the problem is with zecalouro.

Let’s continue today with that series of posts that zecalouro never had the nerve to share due several reasons. This one is another, now with really serious concerns about. I will tell you.

This is Oswaldo Luiz e Seu Conjunto – Boate do Faz de Conta (1963), for Discos Design. First disturbing thing, maybe wrong as I was yesterday on Mandrake Som, but in my opinion, this record is fake, never saw it on vinyl and was sent by someone in the very beginning of Loronix. Who ever heard about Discos Design? How is Oswaldo Luiz? What is the reason of this title with the phrase “Faz de Conta”, on a free translation to English, “pretends to be”. In spite of all the uncertainness, it is a nice record, featuring piano, bass, drums and guitar, very well played. Comments section is open to blame zecalouro for not knowing Oswaldo Luiz and this possibly legendary album. Tracks include:

.

Não tinha esse disco. Porém, graças aos amigos Eliane e Martoni. ele agora pode ser buscado na Rádio Forma e Elenco. Pela discussão (ver comentários) essa capa não é verdadeira. Pesquisando na internet, achei a capa que vai abaixo:


Ações

Informação

6 responses

16 01 2012
300discos

Comentários originais:
.
Brent James on Tuesday, 20 February, 2007
Cover does look like it was created with modern imaging software, “Fireworks” or algo assim.
.
zecalouro on Tuesday, 20 February, 2007
Hello Brent,

How are you.

Good point. If you see the back cover, you will find typefaces that are really modern.

Anyway, fake or not, great music.

Cheers, zeca
.
Refer on Tuesday, 20 February, 2007
Se for um disco ‘falso’, o cara que montou o repertório é do ramo. Eu apostaria, até, que o disco foi gravado em 1961/1962, quando várias das músicas do disco apareceram como novidade, tais como ‘Et Maintenant’, ‘Zelão’, ‘O Barquinho’, ou em regravações, como ‘Taboo’, ‘Cry Me A River’ e ‘The Man I Love’. Vamos ver se aparece alguém para confirmar…
.
Refer on Tuesday, 20 February, 2007
Já que v. tocou no assunto, devo dizer que também não consigo compreender essa euforia, essa alegria infundada do carnaval. E tem a cafonice imperdoável dos desfiles das escolas de samba. Coisa horrorosa! E a cada ano fica maior e mais brega. As escolas já estão quase imobilizadas, de tanto se empetecar e crescer para cima e para os lados. Em SPaulo, há uns 15 anos, as escolas daqui cismaram de começar a imitar as do Rio — e dá-lhe cafonice e mau gosto. Aqui é muito pior, porque é pobre.
.
Simon Boutman on Saturday, 24 February, 2007
Sim, é um disco falso.. e o autor disso sou eu… daqui uns dias eu explico melhor.

abraços, Simon.

17 01 2012
Eliane

olá estou enviando

17 01 2012
300discos

Muito obrigado!

27 12 2017
Vitor ayres angelelli

Hi guys,

This is not fake for sure, and I know because Oswaldo Luiz Ayres was my Grandphader. And some of the songs of this LP are made by him.

My name is Vitor Ayres Angelelli, my contact is open to talk more about my grandfather.

Vitorayres@icloud.com

Sou brasileiro! Apenas escrevi inglês pois o post original estava em inglês.

Tks

26 02 2018
Josmar Camillo

OLa boa tarde….tenho o disco original para venda….capa e vinil estão impecaveis……email: jocamillo@gmail.com

22 02 2020
Valéria Ayres

É com imensa alegria e orgulho q vejo aqui uma recordação que guardarei sobre este pianista. Meu nome é Valéria Ayres e tive o prazer de vê-lo ao vivo por muitas vezes.A sensibilidade no tocar sempre impressionaram a todos. Sempre fui fã e posso dizer que a formação em de Artes Plásticas se deve a sua influência. De onde estiver creio q ele está muito feliz com esta publicação. Obrigada

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: