Dick Farney e Claudette Soares – Dick & Claudette | Tudo Isto e Amor vol. 2 (1976)

31 03 2012

Link original: Dick Farney e Claudette Soares – Dick & Claudette | Tudo Isto e Amor vol. 2 (1976)
Publicado em: Sunday, May 20, 2007 by zecalouro

I just spoke with Caetano by phone and he said the next package – a special and very different one – would be mailed tomorrow, first time in the morning. Tomorrow will be another day of tension on a day that seems to last 48 hours. Several other things are scheduled for tomorrow and I think it is better stop talking about it now before I spoil Caetano’s surprise with my big tongue.

These phone calls are also useful to get recommendations from Caetano and this album was celebrated when mentioned, by the way, what can go wrong when you have Dick Farney and Claudette Soares together? I really don’t know.

This is Dick Farney e Claudette Soares – Dick & Claudette | Tudo Isto e Amor Vol. 2 (1976), for Odeon, the second out of two albums released by Dick Farney in collaboration with Claudette Soares. This is not about Dick Farney piano accompanying Claudette Soares, they are singing together and the duets are beautiful, their voices and interpretation styles matches nicely. Personnel is not credited, but Dick Farney plays piano for sure and the legendary Saba from Jongo Trio is the executive producer. Tracks include:

01 – Chuva (Durval Ferreira / Pedro Camargo)
02 – Nós (Johnny Alf)
03 – Demais (Tom Jobim / Aloysio de Oliveira)
04 – Casualmente (Berimbau)
05 – Fim de Caso (Dolores Duran)
06 – Apelo (Baden Powell / Vinicius de Moraes)
07 – Nick Bar (José Vasconcelos)
08 – Preciso Aprender a Ser Só (Marcos Valle / Paulo Sergio Valle)
09 – Ela Foi Embora (Oscar Bellandi / Djalma Ferreira)
10 – Tomara (Novelli / Paulo César Pinheiro / Maurício Tapajós)
11 – O Amor Em Paz (Tom Jobim / Vinicius de Moraes)

.

Este disco pode ser buscado no 300 Discos.


Ações

Information

One response

31 03 2012
300discos

Comentários originais:
.
Anonymous on Monday, 21 May, 2007
Fala Zeca! Em primeiro lugar gostaria de dizer que sou um grande fã do seu trabalho. Entretanto não poderia deixar de fazer uma observação quanto à qualidade dos rips. Não estou falando da qualidade musical, mas sim da qualidade do áudio. De uma maneira geral, as faixas são ripadas usando-se taxas de compressão altas, como por exemplo 128kbps e 160kbps. Isso causa uma perda de qualidade muito grande. Para mim, acho que o mínimo aceitável é 192kbps. Lembro-lhe ainda que existem outros formatos, que permitem compressão com menos perdas, como OGG, por exemplo.
um abraço do TORAB
.
zecalouro on Monday, 21 May, 2007
Torab,

Excelente suas considerações. A propósito, grande parte do trabalho tem sido disponibilizado em 320Kbps. Esse mesmo Dick & Claudette é um exemplo. Quais seriam então os pontos de melhoria?

Abraços, zeca
.
cvllos on Monday, 21 May, 2007
Zeca, mais um Dick Farney prá minha coleçao!
MUITO OBRIGADO, pela 10 “elevado a INFINITO” VEZ!!
Tremendo interprete junto com outra, que nao fica atrás…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: