Lucho Gatica – Inolvidables con Lucho Gatica (1958) with Arturo Castro

23 05 2012

Link original: Lucho Gatica – Inolvidables con Lucho Gatica (1958) with Arturo Castro
Publicado em: Wednesday, July 11, 2007 by zecalouro

Hello, Good Evening! You are probably thinking that your green friend went nuts today opening this rainy Wednesday with a bolero album featuring a Chilean singer. Perhaps I’m nuts, but not for making this album available. Although it does not bring elements of the music from Brazil, this is one of those albums – such like Julie is Her Name and many others – that had a tremendous influence on Brazilian artists that created Bossa Nova as the way we know today.

This post also homage Carlos Braga, a new and already legendary Loronixer. Carlos Braga is one of the most knowledgeable Brazilian music friends at Loronix. He is responsible for this post and Caetano Rodrigues also for providing this album. Carlos Braga is providing a once in a lifetime opportunity to us writing his musical memories and connecting Loronixers at Quadradinho. He is responsible for showing us the way to this album, obscure and perhaps widely unknown, but really influential. I’m gathering from Quadradinho Carlos Braga’s words, in Portuguese. English translation is on the way. Carlos, the word is yours:

“Em todos os livros que li sobre a história da Bossa Nova jamais encontrei qualquer referência ao EXTRAORDINÁRIO violonista Chileno ARTURO CASTRO. Não consigo entender a omissão histórica porque a sua influência sobre os violonistas da BN é indiscutível – tanto quanto a do igualmente genial BARNEY KESSEL. É só perguntar pro Oscar Castro Neves, Carlos Lyra, Nana Caymmi e Leny Andrade….Eu acho até que o violão do Arturo estava muito mais próximo do violão brasileiro do que a guitarra do Barney, e digo porque: O violão acústico foi a marca registrada da Bossa Nova. O estilo do Arturo era muito próximo do violão do Garoto e do Laurindo de Almeida – confiram aqueles acordes abertos que a gente já encontrava na harmonia do histórico samba-canção DUAS CONTAS, mais tarde reproduzidos pelo JOÃO GILBERTO no antológico solo do choro UM ABRAÇO NO BONFÁ….?. Ouçam Frenesi, Duerme, Como fué, são os mesmos de uma série enorme de composíções.”

This is Lucho Gatica – Inolvidables con Lucho Gatica (1958), for Odeon. Loronixers are now invited to make the bridge between Arturo Castro guitar and Bossa Nova through this anthological Lucho Gatica album featuring Arturo Castro (guitar), Victor Ruiz Pazos (bass) and a discrete and not credited percussionist. My special thanks to Carlos Braga, Caetano Rodrigues, Geraldo Picanco (my very good friend and Loronix official tracker of Quadradinho posts) and all Loronix community. Tracks include:

01 – Noite de Ronda
02 – Tu
03 – La Borrachita
04 – Nocturnal
05 – A La Orilla de un Palmar
06 – Por que Llorar
07 – Noche
08 – Frenesi
09 – Duerme
10 – Nunca
11 – Alma Mia
12 – Dejame Llorar
13 – Verdad Amarga
14 – Arrullo

.

Este disco pode ser buscado na Rádio Forma e Elenco.


Ações

Information

One response

23 05 2012
300discos

Comentários originais:
.

Anonymous on Wednesday, 11 July, 2007
Hola amigo Zecalouro,
gusto mucho de tus publicaciones.
En esta oportunidad quiero indicarte que Lucho Gatica es un cantante chileno y no mexicano.

Saludos, muchos éxitos en los futuros posts.

arantas@Perú
.
zecalouro on Wednesday, 11 July, 2007
Arantas,

Muchas gracias. Como podría olvidarme de eso? Recibí una llamada de Caetano que me recordaba decir que Lucho Gatica es de Chile y apenas me olvido de comprobarlo y de corregir.

Gracias por señalar eso, estoy realizando el cambio.

Saludos desde Brasil,

zeca
.
zamurozien on Thursday, 12 July, 2007
ZECA, you can speaking Spanish! Oh, I forgot that parrots are capable of learn to speak any language they listen to 😉 (I am joking).

By the way, Lucho Gatica is one of my mother’s favourite boleros singer. She will be happy to know that you posted here a LP from him.

Thanks Carlos Braga, Caetano Rodrigues and Zeca.
.
Refer on Thursday, 12 July, 2007
Parabéns, Zeca,
É muito bom ouvir de vez em quando um cantor autêntico e não um desses bossanovistas com voz de tuberculoso, no fim do carretel.
Que venga Roberto Yañez i demás cantantes de verdad.
.
Refer on Thursday, 12 July, 2007
Eu de novo. Pirei nesse disco. Ouvi hoje continuamente. Soube dele ao ler o livro de Jorge Cravo. Não imaginava que fosse assim tão bom. Mas não consigo prestar atenção à guitarra com a voz de Gatica, mais emocionante que nunca.
.
Andrés on Thursday, 16 July, 2009
Prezado Zecalouro, você tem que saber que Arturo Castro (violão) e Jorge Ruiz Pazos (contrabaixo), que acompanham Lucho Gatica em Inolvidables con Lucho Gatica, são mexicanos, não/não chilenos. O disco foi gravado no México onde Lucho morava.

É curioso e dramático o desconhecimento dos brasileiros sobre o México. Te convido a ler uma entrevista ao Carlos Lyra sobre os anos que ele viveu no México, junto com Miucha, Jõao Gilberto, Leny Andrade e outros em http://www.jornada.unam.mx/2006/10/08/sem-andres.html

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: